Glossário

A

  • Abrangência Geográfica

    Área de cobertura de uma pesquisa.

  • Ad Hoc

  • ADSL

    Sigla para asymmetric digital subscriber line. Tecnologia que oferece a comunicação de dados em alta velocidade através do par de fios de cobre da linha telefônica fixa. É assimétrica porque a velocidade de download (recebimento de dados) é maior do que a de “upload” envio de dados.

  • Amostra

    Amostra é uma parte ou subconjunto da população que, com as mesmas características, representa o universo a ser pesquisado. A amostra pode ser sorteada ou selecionada de diversas maneiras, conforme o planejamento amostral. Por exemplo, como perguntar para 200 milhões de brasileiros em quem irão votar nas próximas eleições para presidente é inviável, os institutos de pesquisa, trabalham com amostras de pessoas. Selecionam, em cada região estudada, um grupo especialmente definido para representar toda a população. A característica mais importante de uma amostra não é seu tamanho, e sim a sua representatividade com relação à população total.

  • Amostra Aleatória

    Também chamada de Randômica ou Probabilística. Característica de amostra na qual todas as unidades da população de interesse têm igual probabilidade de ser selecionado para compor a amostra. A técnica de sorteio probabilístico garante que a amostra será constituída de elementos selecionados objetivamente por processos aleatórios e não pela vontade do pesquisador, dos entrevistadores ou mesno do entrevistado.

  • Amostra Bi-Variada

    Análise da relação entre duas variáveis.

  • Amostra Intencional

    Amostra ideal para um determinado projeto de pesquisa que visa um segmento específico de público, diferente dos tradicionais de classificação sócio-demográfica e econômica. Ver: AMOSTRA NÃO PROBABILÍSTICA

  • Amostra Não Probabilística

    Característica de amostra em que as unidades amostrais são selecionadas de acordo com a conveniência do pesquisador, visando otimizar os resultados da pesquisa. Portanto, a amostra não é sorteada. Na prática, a amostra não probabilística e a intencional são similares.

  • Amostra por Estágios Múltiplos

    Amostra cujo sorteio se dá em diversas etapas, a primeira delas considerando-se a população de interesse ou universo, e as etapas subseqüentes, segmentos pré existentes desse universo, preservando-se sua representatividade. Dessa maneira, chega-se à unidade amostral, ou seja, à pessoa a ser entrevistada. Ex: 1º estágio: sorteio dos municípios, 2º estágio, sorteio dos bairros, 3º estágio, sorteio dos quarteirões, 4º estágio, sorteio dos domicílios, 5º estágio, sorteio dos entrevistados.

  • Amostra por Quotas

    Característica de amostra não probabilística em que se sorteia os entrevistados a partir de características sócio-econômicas e demográficas conhecidas previamente, além de outros atributos pré determinados, de interesse para o estudo.

  • Amostra Probabilística

    Também chamada de Randômica ou Probabilística. Característica de amostra na qual todas as unidades da população de interesse têm igual probabilidade de ser selecionado para compor a amostra. A técnica de sorteio probabilístico garante que a amostra será constituída de elementos selecionados objetivamente por processos aleatórios e não pela vontade do pesquisador, dos entrevistadores ou mesno do entrevistado.

  • Amostra Representativa

    Amostra sorteada com as mesmas características sócio-demográficas do universo de interesse. Em qualquer estudo, é indispensável que a amostra seja representativa da população de interesse ou universo da qual foi retirada.

  • Amostra Sistemática

    Amostra probabilística que pressupõe a listagem do universo de interesse. Sorteia-se um número inicial, a partir do qual haverá um intervalo entre um entrevistado e o próximo, dado pela divisão do número de unidades do universo pelo tamanho da amostra pretendida.

  • Amostragem

    Procedimento por meio do qual se retira a amostra da população. Ver: AMOSTRA

  • Amostragem por Cluster

    Tipo de amostra probabilística em que o universo é subdividido em segmentos mutuamente exclusivos. Todos os elementos do universo têm igual probabilidade de pertencer à amostra.

  • Análise de Atributos

    Técnica planejada para desenvolver listas de características, usos e benefícios relevantes de um determinado produto ou categoria.

  • Análise de Correspondência

    Técnica de mapeamento perceptual baseada em dados nos quais o respondente é solicitado a identificar somente os atributos relevantes para o objeto de estudo.

  • Análise de Variância

    Técnica estatística cujo objetivo é apontar as diferenças médias entre duas ou mais populações.

  • Análise Fatorial

    Técnica estatística que envolve um grande número de variáveis, e que se propõe a identificar um pequeno número de fatores que revelam a inter-relação entre essas variáveis.

  • Análise Multivariada

    Estudo de uma situação, cuja compreensão requer a análise simultânea de múltiplas variáveis. As técnicas multivariadas são a extensão de técnicas univariadas (análise de uma única variável) e da análise bi-variada (análise da relação entre duas variáveis). A análise multivariada se decompõe em dois grandes conjuntos de técnicas: de dependência e de interdependência. As medidas das variáveis podem ser classificadas em não métricas (ou qualitativas) e métricas (ou quantitativas).

  • Aplicativo

    Programa de computador criado para o usuário realizar uma tarefa determinada ou para realizar tarefas para outro aplicativo. Exemplos de aplicativos são os processadores de texto, planilhas eletrônicas ou programas para criação ou tratamento de imagens.

  • Assessment

    O Assessment é uma metodologia que identifica as competências comportamentais de candidatos a vagas de emprego ou de colaboradores já empregados, com o intermédio de técnicas e avaliações.

    A partir da análise do potencial dos profissionas e do entendimento de seus perfis, é possível gerenciá-los e propor mudanças.

  • Atitude

    Predisposição de um indivíduo para aprender sobre determinado objeto ou idéia. A atitude tem 3 componentes básicos: cognitivo (conhecimento e crenças), afetivo (sentimentos e emoções) e consciente/comportamental (intenção de compra).

  • Avatar

    É a representação gráfica para um usuário, site ou domínio, na internet. Pode ser uma foto ou uma imagem. O termo surgiu dos personagens que podem ser criado sno projeto Second Life e numa alusão à crença hinduísta de que deuses descem à terra adotando diferentes formas.

  • Awareness

    Índice de conhecimento que um entrevistado tem sobre um produto, conceito ou idéia. Há duas medidas de “awareness”: espontânea e estimulada.